Aceite a emoção, baixe a guarda!!!

Quando a chuva cair ou o sol está forte, geralmente todo mundo se protege para não se molhar ou queimar a pele.

A mesma coisa estamos fazendo com emoções, estamos nos fechando quando achamos ruim para nos proteger.

Agora se imagina que em plena chuva você virar a guarda chuva para o lado e sentir cada pingo de chuva na sua pele, a leve pressão de cada gota, a sensação de esfriamento desse ponto, o pingo de água que corre pelo rosto e o sentimento dos labios molhados. Só o pensamento nisso acalma nossa mente e nos dar um conforto.

Mas isto só funciona quando temos a opção, quando estamos condicionados em virar a guarda-chuva, preparados para nos molhar, tirando nossos sentimentos do inevitável aceite.

Com as emoções também está funcionando semelhante. Quando recebemos uma informação ou influência externa que desperta as emoções, a base disso já não é mais evitável, já era.

Por exemplo, o sentimento de raiva é uma emoção poderosa e rica, que devemos aceitar para ver o que realmente está atrás disso. Ao tirar o guarda-chuva, na maioria dos casos percebemos que a raiva só consegue nos atingir por que veio por nossa participação na razão subjetivo dela que podíamos ter evitado por agir com mais atenção. É fascinante como se consegue acalmar a mente com está consciência e iniciar primeiro o perdão próprio e depois para os outros para fazer melhor na próxima vez.

O segredo é a aceitação da emoção para ente-lá e poder senti-lá de forma verdadeira e intensa.🌻

#achtsamkeit

#atencaoplena

Author: Stephan

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Todos os direitos reservados XEDU@2019
top
Translate »